Alejandro Valverde anuncia aposentadoria ao final de 2022

Luiz Papillon

O patron no ciclismo é a figura daquele veterano pelo qual todos guardam respeito. Ninguém nos últimos anos tem tanto respeito do pelote WorldTour quanto El Bala, o murciano de 41 anos anunciou que deixa o ciclismo ao final de 2022.

Alejandro Valverde anuncia que deixa o ciclismo ao final de 2022

Uma era a ponto de se encerrar no ciclismo profissional. Quando o jovem Alejandro Valverde estreou pela equipe Kelme em 2001* o ciclismo era dominado por Lance Armstrong e sua USPS. O ciclismo espanhol tinha nomes como Roberto Heras, Juan Antonio Flecha e Oscar Pereiro como destaques. E no campeonato mundial de 2003, o jovem Bala conquistou a medalha de prata, foi o começo de uma carreira vencedora.

Alejandro Valverde vence o Mudial de 2018 | Foto Divulgação
Alejandro Valverde vence o Mudial de 2018 | Foto Divulgação

Vinte anos depois um único nome ainda é destaque na ponta do pelote. Alejandro Valverde não tem apenas rodagem, suas 130 aconteceram vitórias em três décadas diferentes. Em entrevista a rádio Radiogaceta de los deportes:

“Digo com 100% de segurança, a próxima temporada vai ser a minha última como ciclista. Já chega, ainda que eu esteja bem, não faz sentido prolongar mais a carreira.”Alejandro Valverde

Quatro vezes vencedor da Liege-Bastogne-Liege, campeão da Vuelta em 2009 e campeão mundial em 2018, Valverde já definiu sua escala de provas para a temporada de despedida e sem Tour de France. O objetivo é encerrar a carreira na Vuelta.

“Vou desfrutar de cada corrida como se fosse a última da minha carreira profissional. Se vencer é um tanto melhor, mas sobretudo quero aproveitar.” Alejandro Valverde

Ao ser lembrado que tem contrato com a equipe Movistar até 2023, o veterano deu risadas e encerrou: “Vou ter que arrumar um jeito de ajudar os meninos.”

Alejandro Valverde cumprimenta Alaphilippe pela vitória | Foto Team Movistar
Alejandro Valverde cumprimenta Alaphilippe pela vitória | Foto Team Movistar

Alejandro Valverde Belmonte

Nascido em Las Lumbreras na região de Murcia na Espanha em 25 de abril de 1980. Valverde competiu pela equipe amadora Banesto (atual Movistar), entrou para a equipe Kelme-Costa Blanca em 2001 quando venceu a Copa da Espanha de Ciclismo. Em 2003 além da medalha de prata no mundial foi pódio na Vuelta com um terceiro lugar.

Em 2005, Valverde retornou a equipe que o iniciou no ciclismo, agora com o nome de Illes Balears, que depois tornaria-se Caisse ‘Epargne e atualmente Movistar.

Operação Puerto e suspensão por doping

Provavelmente o maior escândalo coletivo de doping no ciclismo aconteceu em 2009, quando a ligação entre as autoridades esportivas espanholas e o médico Eufemiano Fuentes veio a público. A investigação contou com a análise do DNA no sangue de Valverde colhido durante o Tour de France de 2009 e que culminou em uma suspensão de 2 anos pelo uso de eritropoietina (EPO) para o ciclista espanhol.

Alejandro Valverde nunca se pronunciou acerca da investigação e punição.

O amadurecimento e o campeonato mundial

Valverde conquistou pódio nas três grandes voltas após seu retorno além do campeonato mundial de 2018. Até o momento Valverde possui 130 vitórias como profissional onde destacamos:

  • 1 Título Vuelta a Espanha
  • 1 Campeonato Mundial
  • 2 Títulos no Criterium du Dauphiné
  • 4 Liege Bastogne Liege
  • 5 Fleche Wallone
  • 12 Etapas da Vuelta a Espanhã
  • 4 Etapas no Tour de France

*A Wikipedia e o Procyclingstats datam como estreia de Valverde o ano de 2002, porém em 2001 ele já competiu pela Kelme-Costa Blanca e por isso o próprio ciclista declara que terá 21 anos de carreira profissional em 2022.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

Clythio

Hoje, estamos lamentando a partida precoce de Clythio Backx van Buggenhout, aos 63 anos de idade. Clythio era aquela pessoa que, quando começava a falar (ou escrever), cativava quem o ouvia ou lia. Dono de uma personalidade marcante, era uma presença também marcante no mundo do ciclismo paulista e nacional. […]
Clythio - Foto Arquivo Pessoal

leia também

Receba as novidades em seu e-mail