Sam Bennett vence em Imola!

Luiz Papillon

Sam Bennett da Bora venceu o sprint no circuito de Imola no Giro! A expectativa de uma etapa morna não se confirmou, a chuva que caiu entre Faenza e Imola provocou corte no pelote e muita emoção no final. Um ataque de Wellens e depois de Mohoric e Betancur quase funcionou na ultima subida. Mohoric e Betancur foram pegos nos 250m finais e Bennett partiu muito antes para vencer com sobra. Atrás Danny Van Poppel foi segundo e Bonifazio terceiro.

 

Osimo a Imola 213km

Hoje o Giro percorreu um trecho plano da costa Adriática sempre na direção do norte italiano, uma etapa para os sprinters porém houve complicação devido a chuva. O trajeto passou ao lado da República de San Marino, lembrando que Imola é uma cidade italiana e o nome “GP de San Marino” fora apenas um meio para a Formula 1 ter dois grandes prêmios na Itália.

A fuga do dia foi montada pelas equipes continentais com cinco ciclistas:

  • Marco Frapporti – Androni Sidermec
  • Mirco Maestri – Guardiani
  • Manuel Senni – Guardiani
  • Jacopo Mosca – Willier
  • Eguert Zhupa  – Willier

Com 90km para o final a fuga tinha 2’40” de vantagem sobre o pelote. Sem vento suficiente para cortar o pelote a expectativa de alguma mudança ficou por conta de chuva em Ceasena. O Pelote manteve então a fuga sob a mira durante boa parte do restante da etapa. A partir de 40km para o final o pelote acelerou para alcançar a fuga, porém a etapa que parecia fácil teve sua complicação.

A chuva caiu forte na cidade de Imola com vento e o pelote começou a ser segmentado, o grupo com o camisa branca Richard Carapaz da Movistar ficou 1’10  atrás do pelote. Na ponta a fuga foi cedendo com a Bora esticando o pelote para reposicionar Maximilian Schachmann na disputa da camisa branca. A perseguição ao grupo lider se benificiou com a entrada por uma estrada mais estreita, o pelote esticou e assim permitiu ao grupo do camisa branca reconectar.

Com 18km para o final a fuga foi neutralizada e Tim Wellens da Lotto FixAll atacou e desceu para o autódromo de Imola. Wellens entrou na reta do autódromo com 12″ para o pelote. Escalaram a subida de quarta categoria de Tres Monti ao lado do circuito e Wellens foi neutralizado. Os ataques recomeçaram com Rohan Dennis, Downsett Ulissi mas foi Mohoric da Bahrein que fez o movimento. Restavam apenas 2km e Mohoric e Betancur entraram novamente no autódromo com pouca vantagem para o pelote. Mohoric e Betancur foram pegos nos 250m finais e Bennett partiu muito antes para vencer com sobra. Atrás Danny Van Poppel foi segundo e Bonifazio terceiro. Sem mudanças na classificação geral a surpresa foi Elia Viviani ter sobrado, o italiano da Quick Step chegou com 9 minutos de atraso.

Os dez primeiros classificados na 12ª Etapa foram:

Os dez primeiros na classificação geral:

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

Elia Viviani vence sprint no Giro

Mais uma vitória para Quick Step no Giro 2018 com Elia Viviani, uma etapa morna que foi para o sprint. A Katusha esticou o pelote, teve ataque de Coledan da Wilier mas não teve pra ninguém. Elia Viviani saltou no momento certo e venceu a etapa com Sam Bennett em […]

leia também

Receba as novidades em seu e-mail