Van der Poel vence Brabandse Pijl!

Com estilo Mathieu Van der Poel venceu a De Brabantse Pijl. O holandês da Corendon Circus apareceu a todo momento na prova e no final venceu um sprint selecionado com outras três feras: Julian Alaphilippe da Deceuninck, Tim Wellens e Michael Matthews.

59ª De Brabandse Pijl – 196.2km UCI 1.HC

A temporada de provas nas serras Ardenenses começa apenas no próximo domingo com a Amstel Gold Race, porém hoje a semi-clássica De Brabandse Pijl conta como uma espécie de meio termo entre as provas de paralelepípedo e provas com subidas duras e curtas entre a divisa da Valônia e Flandres belgas. A fuga do dia teve oito ciclistas

  • Andrea Peron (Novo Nordisk)
  • Arjen Livyns (Roompot-Charles)
  • Dries De Bondt (Corendon-Circus)
  • Edward Planckaert (Sport Vlaanderen-Baloise)
  • Francesco Bongiorno (Neri Sottoli-Selle Italia-KTM)
  • Frederik Backaert (Wanty-Gobert)
  • Frederik Backaert (Wanty-Gobert)
  • Ludovic Robeet (Wallonie-Bruxelles)

O pelote só apartou o ritmo após a barreira de 70km para o fina, assim entraram no circuito de 23.3km para três voltas com menos de um minuto de vantagem. Ai entrou em ação o Mathieu van der “Show”. Uma, duas, três vezes o holandês atacou do pelote até que fez a ponte e alcançou os remanescentes da fuga. Atrás começou pancadaria para o contra ataque, especialmente com Lambrecht e  Petr Vakoc. Com 29km para o fim a fuga foi neutralizada. Paz, calma? Nada disso! Ataque atrás de ataque, dessa vez com o sul africano Daryl Impey.

Impey conseguiu colocar 22 segundos sobre o pelote e assim abriu a última volta a 23km do fim. Quando passaram pela subida do Hertstraat foi a vez de Alaphilippe atacar na marca de 17km para o fim. Tim Wellens foi o primeiro a perseguir e seguido de Matthews e Van der Poel. Juntamente com Impey formaram um grupo de cinco escapados a 15km do final colocando pânico na Bahrain Merida que corria por Sonny Colbrelli. O primeiro a sobrar do grupo foi Impey e o quarteto com Alaphilippe, Van der Poel , Tim Wellens e Michael Matthews começou a trabalhar.

A medida que se aproximavam do final da prova os líderes começaram a testar, Alaphilppe atacou a 4.5km do final, depois foi a vez de Van der Poel e então Tim Wellens. Não havia mais espaço para ataques e entraram os quatro no quilômetro final para Van der Poel lançar o sprint e arrematar vencendo.

 

Os dez primeiros colocados da prova foram:

1 Mathieu van der Poel (Ned) Corendon-Circus
2 Julian Alaphilippe (Fra) Deceuninck-QuickStep
3 Tim Wellens (Bel) Lotto Soudal
4 Michael Matthews (Aus) Team Sunweb
5 Bjorg Lambrecht (Bel) Lotto Soudal
6 Alberto Bettiol (Ita) EF Education First
7 Enrico Gasparotto (Ita) Dimension Data
8 Alexander Kamp (Den) Riwal Readynez Cycling Team
9 Pieter Serry (Bel) Deceuninck-QuickStep
10 Maurits Lammertink (Ned) Roompot-Charles

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.