Ewan bate Sagan e vence novamente no sprint!

Luiz Papillon

O campeão australiano esta impossível! Na quarta etapa do Tour Down Under, Caleb Ewan ganhou com Sagan em segundo, Van Poppel em terceiro. A etapa de 149.5km entre Norwood e Campbelltown começou com 8.5km neutralizados até deixar o perímetro urbano, logo no começo Ondrej Cink da Bahrain, Jack Bauer da Quick Step e Cameron Meyer da UniSa (equipe local australiana) estabeleceram a fuga.



Cink com desvantagem de 57s para Porte foi líder virtual durante boa parte da prova, faturou a meta de montanha, na meta de Sprint Jack Bauer foi a frente e faturou os pontos, e logo depois a fuga voltou a trabalhar para manter a distância em torno de dois minutos, o pelote começou acelerar e na segunda meta de sprint, vencida por Meyer a vantagem já estava abaixo de 1’30”, Cink foi o primeiro a quebrar na fuga, nesse momento um grupo com Lars Bak da Lotto Soudal, Will Clarke da Cannondale e Michael Valgren da Astana partem em perseguição aos líderes, BMC e Orica passaram a cabeça do pelote imprimindo uma velocidade impressionante, da fuga restou apenas Jack Bauer com 45″ de vantagem para um pelote ensandecido e 25km para o final.

Uma longa descida e uma pequena subida final. Jack Bauer, campeão neozelandês de contra relógio conseguiu manter a diferença por muito tempo, lembre ele esta na fuga desde o início de prova, 15km para o final a vantagem de 20″ e a parte mais inclinada da descida, Bauer a 80km/h contra Orica, Sky e Dimension Data torrando seus gregários…e Jack Bauer só foi alcançado faltando 4km para o final, com méritos levando o prêmio de ciclista mais combativo do dia, entrando no quilômetro final, a Klugge da Orica começa a puxar quando vem o ataque da Bora, Van Poppel parte com Ewan em sua roda, Sagan ficou um pouquinho par atrás o suficiente para não pegar Caleb Ewan que venceu a terceira etapa (além da vitória na preliminar Peaple’s Choice), Sagan ainda conquistou o segundo lugar, que beleza que vem sendo esse Tour Down Under.

E assim ficaram os dez primeiros da prova:

1 Caleb Ewan (Aus) Orica-Scott
2 Peter Sagan (Svk) Bora-Hansgrohe
3 Danny Van Poppel (Hol) Team Sky
4 Ben Swift (GBr) Team UAE Abu Dhabi
5 Nathan Haas (Aus) Dimension Data
6 Baptiste Planckeart (Bel) Katusha
7 Jay Mccarthy (Aus) Bora-Hansgrohe
8 Callum Scotson (Aus) Unisa-Australia
9 Jasha S¸tterlin (Ale) Movistar Team
10 Enrico Battaglin (Ita) Team LottoNl-Jumbo

Na Classificação geral após quatro etapas, Richie Porte segue com 20″ sobre Izagirre, sua vantagem para o décimo ainda é de apenas 29″ o que coloca todos na luta pela geral.

1 Richie Porte (Aus) BMC Racing Team 14:20:18
2 Gorka Izagirre Insausti (Esp) Movistar Team 0:00:20
3 Esteban Chaves (Col) Orica-Scott 0:00:22
4 Jay McCarthy (Aus) Bora-Hansgrohe 0:00:24
5 Nathan Haas (Aus) Dimension Data 0:00:27
6 Rohan Dennis (Aus) BMC Racing Team 0:00:29
7 Luis León Sánchez (Esp) Astana Pro Team
8 Diego Ulissi (Ita) Team UAE Abu Dhabi
9 Rafael Valls (Esp) Lotto Soudal
10 Ruben Guerreiro (Por) Trek-Segafredo

Confira os melhores momentos da prova:

Sua opinião é importante, compartilhe!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

Sabe aquela história de multa para ciclistas?

Na última semana, viralizou uma reportagem da Nortdestv retransmissora do grupo Bandeirantes com o temor de que ciclistas ou carros de apoio pudessem receber uma multa no valor de R$3.000,00 conforme o código de trânsito brasileiro. Pois ontem em nota técnica da Polícia Rodoviária Federal o assunto foi esclarecido: Ficam […]

Receba as novidades em seu e-mail

%d blogueiros gostam disto: