Vuelta a San Juan 2021

Luiz Papillon
A organização da Vuelta a San Juan apresentou ontem a edição 39 da prova que terá 4 equipes WorldTour com destaque para as presenças de Peter Sagan, Chris Froome e Deceuninck Quick Step. A seleção brasileira estará presente em San Juan, nos últimos anos foi representada pela equipe de ciclismo de Ribeirão Preto.
Apresentação da Vuelta a San Juan na Argentina
Apresentação da Vuelta a San Juan na Argentina

39ª Vuelta a San Juan 2021

De 24 a 31 de janeiro, 25 equipes disputarão na Argentina a prova que abre o circuito ProSeries. A coletiva de imprensa, transmitida por streaming oficial , serviu para apresentar a notícia à mídia e ao público em geral. O Salão Cruce de los Andes, localizado dentro do Centro Cívico, na Capital, foi o cenário físico em que esta cerimônia foi realizada.

Serão quatro equipes WorldTour, quatro ProTeam, oito equipes continentais e nove seleções nacionais. A disputa será transmitida para o continente americano pela ESPN Latino America e pelo streaming oficial.

O trajeto contará com oito etapas em um total de 1.160,4km passando por 16 departamentos da província de San Juan. Logo na primeira etapa os ciclistas subirão o morro Punta Negra cinco vezes antes da chegada. A terceira etapa será um contra relógio individual de 16km a ser percorrido com bicicletas de estrada convencionais. Na sexta etapa os ciclistas escalam o Alto Colorado, e embora usualmente o vencedor seja o campeão da volta, a organização preparo para a sétima etapa uma subida a Cuesta de las Vacas que pode dar uma mexida na classificação geral. Por fim a competição se encerra no circuito Villicum.

Equipes convidadas:

UCI WORLD TEAMS

1-COFIDIS, SOLUTIONS CRÉDITS

A equipe francesa retornará à província de San Juan pelo segundo ano consecutivo e será uma das quatro equipes da primeira divisão que também lutarão pela vitória na competição.

Sua primeira visita à Argentina deixou muito boas lembranças para os franceses. Guillaume Martin foi o seu melhor ciclista e conseguiu colocar-se entre os dez primeiros da classificação geral – terminou em sétimo. E não só isso, mas o parisiense também venceu a classificação de montanha.

Para a Vuelta 2021, a equipa será comandada pela italiana Elia Viviani.

2-BORA – Hansgrohe

A equipe alemã fará parte da Vuelta pelo quarto ano consecutivo. Desde 2018, quando o time estava apenas começando seu segundo ano entre as equipes de elite, o Bora ofereceu o melhor de si na Argentina. Na 38ª edição da competição argentina foram Pawel Poljanski e Matteo Fabbro os que ocuparam as posições mais altas possíveis no geral individual. O polonês terminou em 13º e o italiano em 14º lugar.

Para a Vuelta 2021, a equipa será liderada por Peter Sagan.

3-DECEUNINCK – Quick Step

Desde que a Vuelta entrou no calendário internacional da UCI, os belgas participaram em todas as edições e venceram várias etapas. Na verdade, é a equipe que mais venceu corridas em San Juan desde 2017. Para a Vuelta 2021, a equipe será terá João Almeida e Álvaro Hodeg.

4-ISRAEL Start Up Nation

2020 foi um ano muito especial para a academia de Israel, já que em San Juan fez sua estreia como uma equipe WorldTour UCI. E o francês Rudy Barbier foi quem venceu a primeira etapa e vestiu a camisa de líder pela primeira vez na última Vuelta. Para a Vuelta 2021, a equipe será liderada pelo lendário Chris Froome.

UCI PRO TEAMS

  • 5-ANDRONI GIOCATTOLI – SIDERMEC
  • 6-BARDIANI – CSF – FAIZANÉ
  • 7-RALLY CYCLING
  • 8-VINI ZABÚ – KTM

 

EQUIPES CONTINENTAIS UCI

  • 9-AMORE E VITA
  • 10-EQUIPE MEDELLIN
  • 11-MUNICÍPIO DE RAWSON
  • 12-VIRGEM DO GRUPO FÁTIMA
  • 13-EQUIPE CONTINENTAL DO MUNICÍPIO DE POCITO
  • 14-SINDICATO DE FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS DE SAN JUAN
  • 15-CUYO DOORS
  • 16- EQUIPE CONTINENTAL DO SAN LUIS

 

SELEÇÕES NACIONAIS

  • 17-ARGENTINA
  • 18-ITÁLIA
  • 19-URUGUAI
  • 20-PANAMÁ
  • 21-BRASIL
  • 22-PERU
  • 23-MÉXICO
  • 24-CHILE
  • 25-EQUADOR

 

 

Sua opinião é importante, compartilhe!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

Lucinda Brand doutrina na Copa do Mundo de Cyclocross!

Lucinda Brand não tomou conhecimento da concorrência e venceu pela terceira vez em Namur na Bélgica. Após uma largada disputada, Brand assumiu a liderança para vencer com autoridade pela terceira vez em Namur. A temporada de Cyclocros (uso aqui o termo em inglês já que a versão lusófona é de […]
Lucinda Brand vence etapa da copa do mundo de cyclocross em Namur

Receba as novidades em seu e-mail

%d blogueiros gostam disto: