Análise do Calendário WorldTour 2020

Luiz Papillon

A UCI anunciou hoje o calendário revisado para o ciclismo em 2020 pós pandemia. Após muita negociação junto aos organizadores de provas, representantes das equipes e ciclistas, teremos um segundo semestre muito movimentado. Alguns eventos tiveram suas edições deste ano canceladas e outros adiados.

O quadro mostra a sobreposição de datas e provas. Claro que foi a saída possível que os envolvidos encontraram para tentar salvar a temporada. Contudo ainda é um cenário com muitos pontos a serem amarrados e passível de mudanças.

UCI WorldTour

Seis eventos tiveram a edição 2020 cancelada. Dos 25 eventos adiados, 17 são provas clássicas (de um dia). A solução encontrada foi utilizar o mês de agosto como uma rápida pré-temporada, ter o Tour de France do final de agosto até a terceira semana de setembro, uma pequena folga e o Giro d’Italia. Sem chance de double entre Giro e Vuelta com a última semana do Giro sobrepondo a primeira semana da Vuelta.

O próprio Tour de France não saiu ileso das sobreposições, a prova de contra relógio individual do mundial está marcada para o mesmo dia da chegada em Paris. Como prova maior do ciclismo, as equipes devem ir “all in” no Tour, e isso deve penalizar especialmente o Giro. A prova italiana terá início apenas cinco dias após o mundial de ciclismo. O Giro ainda dividirá atenção com as  monumentos Liège-Bastogne-Liège, Ronde Van Vlaanderen e Paris-Roubaix.

Mais penalizada ficou a Vuelta, além da sobreposição com o Giro e com a Paris-Roubaix, ainda terá a questão do clima já adentrando em novembro e três etapas a menos. Eu ainda pulei a Tirreno Adriático e as clássicas canadenses, e você provavelmente irá pula-las também. Afinal a Tirreno Adriático acontecerá durante o Tour de France e os GP’s do Quebéc e Montreal durante o Tour e a Tirreno.

Provas ainda sem definição

Dentro do WorldTour as clássicas alemãs ainda não tiveram datas confirmadas, a EuroEyes de Hamburgo e a Eschborn-Frankfurt. O campeonato europeu e a data para os nacionais foram definidos ela UCI, contudo a União Europeia de Ciclismo divulgou que o campeonato europeu de Trento foi adiado para 2021. A entidade busca solucionar a localidade que a prova seja realizada. Apenas o europeu de ciclo-cross tem data e local confirmados (7-8 de novembro em Hertogenbosch na Holanda).

UCI Women’s Tour

Com um calendário bem mais enxuto as mulheres terão menor sobreposição de provas, ainda assim o Giro Feminino perdeu uma etapa, a prova feminina que aconteceria durante o Tour de France foi cancelada e substituída por uma edição feminina da Paris Roubaix.  A organizadora Flandres Classics oportunamente garantiu as edições femininas das clássicas Liège-Bastogne-Liège, Gent-Wevelgem e Ronde, além da Amstel Gold Race. A A.S.O. ainda organizará um Challenge durante a Vuelta com três etapas em Madrid.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

Nova Specialized Diverge 2021

Nesta quinta feira a Specialized faz o lançamento mundial da nova versão da Nova Specialized Diverge 2021. Com versão totalmente revisada a bicicleta mais divertida do mercado foca ainda mais em potencializar o ciclismo do jeitinho que o brasileiro gosta, em todo terreno. Nova Specialized Diverge 2021 – Expectativa e […]

leia também

Receba as novidades em seu e-mail