Nizzolo vence no Tour Down Under e tira a zica da NTT!

Luiz Papillon

Ano passado a então Dimension Data venceu apenas uma etapa WorldTour. Nesta temporada sob o nome NTT e com o comando de Bjarne Riis, já na primeira prova WorldTour a zica foi chutada de lado e o italiano Giacomo Nizzolo fez um belo sprint na difícil etapa 5 do Tour Down Under. Em segundo ficou o também italiano Simone Consonni pela Cofidis e em terceiro o irlandês Sam Bennett pela Deceuninck Quick Step.

Na classificação geral a mudança veio através das metas de sprint. Com três segundos para o vencedor da meta, dois para o segundo e um para o terceiro, Daryl Impey pela Mitchelton assumiu a liderança com cinco segundos conquistados sobre Richie Porte.

https://twitter.com/i/status/1220922424419672064

Tour Down Under Etapa 5 – Glenelg a Victor Harbor – 149.1km

Uma etapa com jeito para sprint mas chance para a fuga, assim era a expectativa pela Etapa 5 do Tour Down Under. Vimos a Mitchelton controlar as fugas especialmente antes das metas de sprint, que foram a chave para Daryl Impey assumir a camisa de líder. Havia ainda um desafio a 20km do final, uma subida de segunda categoria com 1.5km a 8.9%, dura o suficiente para punir as pernas dos ciclistas mais pesados.

Após a segunda meta de sprint, Rohan Dennis fez um ataque para tentar criar uma fuga, motivou um contra ataque liderado pela Jumbo e Mitchelton para conseguir neutralizar o grupo de cerca de quinze ciclistas. Já na marca de 67.5km para o final a Ineos tentou novamente e conseguiu estabelecer uma fuga. Ian Stannard juntamente com Mads Pedersen, Josef Cerny e Ide Schelling. Logo conseguiram dois minutos de vantagem o que motivou um grande trabalho da Mitchelton e Jumbo para neutralizarem. Veio a subida e após alguns ataques Richie Porte mostrou que está em boa forma vencendo a meta de montanha.

Mesmo com ataques durante a descida a Mitchelton controlou o pelote a chegada foi em sprint. Para surpresa geral, o trabalho da NTT foi bem feito e contou com a ajuda de Roger Kluge da Lotto Soudal. Kluge seguiu acelerando mesmo sem Caleb Ewan que errou e perdeu o trem, assim quem se aproveitou do esforço do gigante foi Giacomo Nizzolo que venceu. Simone Consonni chegou em segundo e Sam Bennett em terceiro. Confira os 10 primeiros na etapa:

 

Classificação Geral Tour Down Under 2020

Pela classificação geral, ficou tudo para Willunga Hill a “subida Richie Porte” da temporada. Esse ano a chapa está mais quente com Simon Yates e George Bennett, porém neste início de temporada, Richie Porte desponta como o mais forte para vitória.

Sua opinião é importante, compartilhe!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

Vuelta a San Juan terá Sagan e Seleção Brasileira

Primeira prova da nova categoria UCI ProSeries começa amanhã na província de San Juan na Argentina. Com novo status em importância a prova terá grandes estrelas do ciclismo mundial como Peter Sagan, Fernando Gavíria, Remco Evenepoel e brasileiros! Além da Seleção Brasileira, o veterano e especialista em contra relógio Magno […]

Receba as novidades em seu e-mail

%d blogueiros gostam disto: