Mundial de ciclismo chega ao terceiro dia com domínio de holandesas e prodígio belga como destaques!

Luiz Papillon

Innsbruck na Áustria se transformou nesta semana na capital mundial do ciclismo. Os eventos relacionados ao mundial de ciclismo de estrada fazem ferver a pequena cidade na região do Tirol encravada nos Alpes. A holandesa Annemiek Van Vleuten sagrou-se bicampeã no contra relógio individual pela elite feminina enquanto Remco Evenepoel dominou a prova de juniores no masculino.

Annemiek Van Vleuten conquistou o bicampeonato mundial contra relógio individual no feminino. Em pódio todo holandês com Anna Van der Breggen e Ellen Van Dijk fechando o pódio na elite feminina. A prova que contou com 52 ciclistas de todo o mundo teve 27.8km com 262m de altimetria acumulada. A campeã brasileira e ciclista da Memorial Santos, Ana Paula Polegatch que estava classificada para a prova não pode competir por conta de um acidente. Ana Paula foi atropelada enquanto treinava na grande SP e na queda teve a clavícula quebrada. A Confederação Brasileira estendeu a vaga para a segunda colocada Clemilda Fernandes no brasileiro mas a mato-grossense optou por disputar apenas a prova de resistência no sábado.

Após a chegada Van Vleuten extenuada ainda desmaiou durante a coleta de sangue para o anti-doping. Van Vleuten de 35 anos corre pela equipe australiana Mitchelton Scott e nesta temporada venceu também o Giro d’Italia feminino e a Boels Rental Tour, duas das mais importantes provas do ciclismo feminino.

Pela manhã mais história feita no ciclismo mundial. Na categoria masculina de juniores o belga Remco Evenepoel venceu com 1’24” sobre o segundo colocado Luke Plapp. Evenepoel que até dois anos atrás não havia pegado em uma bicicleta de competição desponta como maior esperança belga desde a época de Eddy Merck, sim o jovem prodigio vem sendo comparado a ninguém menos que o maior de todos. Evenepoel vem ganhando tudo de tudo que é jeito. Com dezoito anos recém completados o currículo do jovem canibal trás diversas conquistas como este ouro no Mundial de contra relógio júnior, outro ouro no europeu júnior de estrada e contra relógio, vitória no nacional belga júnior, na clássica Kuurne Brussel Kuurne júnior, entre outra penca de provas. Salvo um desvio muito grande ou acidente do destino será um nome muito ouvido nos próximos 15 anos do ciclismo profissional. Tendo vencido 34 das 44 provas que já competiu, Remco passou parte da juventude jogando futebol nas categorias de base de times com o Anderlecht, PSV Endhoven e seleção belga de base.

Remco Evenepoel – Campeão Mundial Junior Contra Relógio Individual

Após a vitória o jovem pediu gentilmente que não o chamem de o próximo Eddy Merckx. É um peso muito grande para um ciclista carregar:

“Ser descrito como o novo Eddy Merckx não é algo que quero ouvir. Tudo é diferente hoje e todo ciclista é diferente, então eu não quero ser chamado de o novo Eddy Merckx.  Eu sou o novo eu!”

 

Mundial de Contra Relógio Individual – Elite Feminina

Posição Ciclista País Velocidade Média Tempo
1  VAN VLEUTEN Annemiek 48.465 km/h 34:25:00
2  VAN DER BREGGEN Anna 47.771 km/h 00:30
3  VAN DIJK Ellen 46.549 km/h 01:25
4  KIRCHMANN Leah 46.506 km/h 01:27
5  THOMAS Leah 46.376 km/h 01:33
6  BRAND Lucinda 46.162 km/h 01:43
7  NEBEN Amber 46.056 km/h 01:48
8  CANUEL Karol-Ann   45.450 km/h 02:17
9  LONGO BORGHINI Elisa   45.450 km/h ,,
10  WILES Tayler 45.162 km/h 02:31

Mundial de Contra Relógio Individual – Juniores Masculino

Posição Ciclista País Velocidade Média Tempo
1  EVENEPOEL Remco 50.165 km/h 33:15:00
2  PLAPP Luke 48.139 km/h 01:24
3  PICCOLO Andrea 47.817 km/h 01:38
4  HESSMANN Michel 47.589 km/h 01:48
5  WAERENSKJOLD Soren 47.544 km/h 01:50
6  MICHIELSEN Manuel 47.074 km/h 02:11
7  VAN WILDER Ilan 46.854 km/h 02:21
8  LAVERICK Joseph 46.832 km/h 02:22
9  HINDSGAUL MADSEN Jacob 46.723 km/h 02:27
10  GARRISON Michael 46.592 km/h 02:33

Sua opinião é importante, compartilhe!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

Mundial de Contra Relógio não é somente Tom Dumoulin x Rohan Dennis!

Em se tratando de contra relógio individual a temporada 2017/2018 teve dois nomes de destaque e se você acompanha o ciclismo de estrada sabe que o holandês Tom Dumoulin e o australiano Rohan Dennis são os favoritos ao título mundial. Especialidade para ambos o trajeto trás uma subida que promete […]

Receba as novidades em seu e-mail

%d blogueiros gostam disto: