Zwift, treinar jogando videogame!

O Zwift é um jogo que pode ser uma importante ferramenta de treinamento, pois além do treino nos circuitos disponíveis ele oferece a opção de treino estruturado com algumas opções interessantes. Mas antes de falar do jogo em si, vou começar com a justificativa, porque usar um jogo que simula uma pedalada virtual ao invés de ir para rua?


Nos dias atuais, tempo é artigo de luxo e raro, assim comprometer o mínimo de tempo com o treinamento pode ser a forma de ter algum treinamento. Enquanto para sair de casa e chegar ao local de treino, no meu caso a ciclovia do rio Pinheiros aqui em Sampa, levo 10min para me arrumar, mais 15min para chegar na ciclovia, 15min para voltar para casa e mais o tempo de treino, coisa de 50min, totalizando 90 minutos do dia, isso sem contar com possíveis furos ou condições climáticas, enquanto isso no jogo consigo me vestir parcialmente (só bretelle e sapatilha), faço um treino de 40min com 5min de aquecimento e 5min de desaquecimento e não preciso me preocupar com mais nada – especialmente não ser assaltado-  uma facilidade enorme.

Agora vamos ao jogo em si, ele é integrado com o Strava, assim seu treino é somado e publicado (se você quiser) no seu perfil, no entanto ele não é somado para os desafios MTS. E tem…segmentos! Você pode parametrizar seu desempenho com pessoas do mundo todo, basta colocar no seu perfil o peso e altura que o jogo faz o resto.

O que você precisa para jogar:

  1. Rolo de treino, pode ser um “dumb” ou um “smart”, alguns rolos já tema curva pré programada no jogo e atribuindo o rolo ao seu perfil, o jogo automaticamente calcula seu peso/potência, ou colhe os dados de sensores.
  2. Sensores Ant+ ou bluetooth, são suportados garmin, kinetic inride, whahoo e desde 20/11/2015 sensores bluetooth.
  3. Comunicação entre os sensores e seu pc/notebook/tablet, no meu caso uso um stick da Garmin, mas da para usar o seu celular caso o sensor seja bluetooth (alguns aparelhos android suportam Ant+ como o sony Z3)
  4.  Ele aceita protocolos de medidores de potência o que deixa o jogo muito mais realístico.

O jogo tem Trial de 50km e custa U$10,00/mês, para quem é usuário premium do Strava os primeiros 2 meses são gratuitos.

Visão típica do jogo:

Breve um texto sobre o modo de treinamento do Zwift, o “Workout”.

7 thoughts on “Zwift, treinar jogando videogame!”

  1. Fala Luiz. Estou comprando um rolo Elite Tuno Fluid Ritmo essa semana e tenho ainda duvidas de como conseguir usar sem que seja um rolo smart; tenho hj um garmin 405 e um fenix 2, alem dos sensores cardiaco, velocidade e cadencia. O fenix tem bluetooth mas o 405 usa o pendrive ant+.
    Preciso comprar o tal do Suunto movestick?
    Qual programa eu ligo no PC? O pendrive da garmin faz a leitura durante o exercicio ou so apos salvo para sincronizar?

    1. Ola Ricardo, no caso do Elite Tuno ele próprio faz a conexão com o Zwift para mostrar a potência, o pendrive da garmin ou o movestick fazem a mesma função (ou seja se tens o pendrive garmin, não precisa comprar o suunto) que é comunicar o rolo e sensores com o Zwift. No PC você liga apenas o zwift. Os sensores de cadência e cardíaco também se conectam pelo pendrive caso sejam Ant+, caso algum deles seja bluetooth ai é preciso instalar o aplicativo zwift mobile no telefone e ligar toda vez que for jogar como utiliza o seu login ele sincroniza automaticamente e tudo é feito na tela do PC/Mac/Ipad, sendo o fone útil para mudar rotas ou interagir com outros jogadores.

  2. Obrigado pela resposta rapida Luiz. Bom, esse modelo nao é smart, talvez vc esteja confundindo com o Rampa. Estou em duvida entre comprar esse (elite tuno fluid ritmo) e o kinetic rock n roll. Qual sua opiniao
    a respeito?

    1. Entendi! Então basta usar os sensores em conjunto com o stick USB (pendrive) da Garmin ou outra marca (indiquei o Suunto para quem não possui unicamente por ser mais barato). Eu uso o Kinetic Road Machine e o que mais gosto nele é a sensação de estar pedalando ser bem real em relação a estrada. A única desvantagem do rolo comum é que não simula a subida adequadamente.

  3. Olá, comprei um novo elite force com o sensor misuro B+, coloquei a USB ant+ no meu computador, mas não consigo fazer o ciclista pedalar. O zwift abre, sincroniza com meu celular, identifica o ant+, no entanto quando pedalo o ciclista não se move e aparece na tela as marcas de tempo, velocidade e potência. Saberia me explicar por que isso acontece ou o que estou fazendo de errado? Agradeço se puder me ajudar.

    1. No Zwift você chegou a parear o sensor e identificar o rolo corretamente? Eu tive um problema semelhante com o Kurt Kinetic Inride, era o telefone que tinha um economizador de bateria e derrubava o sinal.

Deixe uma resposta