Ícone do site Pelote Ciclismo

Mads Pedersen vence Gent Wevelgem sobre Van der Poel

Em batalha de campeões mundiais, venceu o do passado! Após 120km escapados, Mads Pedersen bateu Mathieu van der Poel no sprint na Gent Wevelgem!

Mads Pedersen vence Gent Wevelgem

Gent-Wevelgem a corrida através dos campos de Flandres

Desde 2014 a clássica Gent-Wevelgem recebe o sobrenome “In Flanders Fields” (nos Campos de Flandres).

A região dos Flandres belgas passou por uma completa devastação na primeira guerra mundial. As batalhas campais sepultaram todo romantismo que havia em participar de uma guerra. Um poema em específico passou a representar a dor daquele momento, o então tenente-coronel canadense John McCrae escreveu “In Flanders Fields” (Nos campos de Flandres) inspirado no funeral de um amigo morto no segundo dia de batalha em Ypres em maio de 1915.

Soldados alemães cruzam os Flandres belgas durante a 1a Guerra Mundial

Em 1934 aconteceu a primeira prova de ciclismo entre Gent e Wevelgem, nos anos 50,60 e 70 ídolos como Eddy Merckx e Rik Van Looy venceram a prova enquanto após a década de 80 mais e mais velocistas foram se destacando como Mario Cipollini. Desde 2011 no WorldTour a prova passou a ser um queda de braço entre ciclistas clássicos e velocistas com vitórias de Peter Sagan, Greg Van Avermaert, Mads Pedersen e Wout van Aert entre outros. No ano passado, Christophe Laporte foi o vencedor após Wout van Aert “dar” a vitória ao companheiro.

Gent Wevelgem 2024 – Mads Pedersen

As 10h40 locais (06h40 do Brasil) um tiro deu partida a 86ª Gent Wevelgem. Entre os favoritos o campeão mundial Mathieu van der Poel e seu companheiro de equipe Jasper Philipsen prometiam um duelo em especial com Mads Pedersen da Trek. Logo no começo de prova, uma queda tirou Jan Tratnik da prova pela Vistma Lease a Bike. Logo as estreitas estradas da região foram ajudando a quebrar o pelote.

Van der Poel mostrou-se ativo e logo ajudou a formar um grupo líder com Mads Pedersen, Laurence Pithie e Jonathan Milan. Na segunda passagem pelo Kemmelberg, Milan não resistiu e foi fagocitado pelo pelote.

O trio líder contou com ajuda extra da Lidl Trek que bloqueou a ponta do pelote dando um fôlego extra aos escapados. A 35km do final foi a vez do valente neozelandês Laurence Pithie sobrar, mas seguir perseguindo a Van der Poel e Pedersen.

No final um excelente Mads Pedersen mostrou que era o mais forte e venceu no sprint a Gent Wevelgem. Atrás Jordi Meeus levou o terceiro lugar.

Results powered by FirstCycling.com

 

Sair da versão mobile