Wout Van Aert vence Etapa Rainha do Tour

Luiz Papillon

O belga Wout Van Aert venceu a etapa rainha do Tour de France! Na fuga desde o princípio da etapa, Aert atacou na primeira subida ao Mont Ventoux e construiu uma vantagem que impediu de ser alcançado na segunda passagem. A dupla da Trek Segafredo com o francês Kenny Elissonde e o holandês Bauke Mollema foram respectivamente segundo e terceiros colocados na etapa.

Wout Van Aert vence Etapa Rainha do Tour de France 2021 | Foto AFP
Wout Van Aert vence Etapa Rainha do Tour de France 2021 | Foto AFP

Pela classificação geral a principal mudança foi a saída de Ben O’Connor do pódio que agora tem o colombiano Rigoberto Uran em segundo a 5:18 de Pogacar e o dinamarquês Jonas Vingegaard a 5:32.

Tour de France 2021 – Etapa 11 – Sorgues a Malaucène – 198.9km

Partindo de Sorgues para Malaucène a etapa 11 do Tour de France 2021 era uma das mais esperadas da 108ª Edição do Tour de France. Na região do sul do rio Rhône, Sorgues foi a cidade onde Pablo Picasso e George Braque iniciaram o estilo cubista de arte moderna. Sorgues também faz parte da região de origem controlada de vinhos Châteneauf du Pape.

A chegada foi em Malaucène, cidade base para os ciclistas escalarem o mítico Mont Ventoux. Com três rotas possíveis, o Mont Ventoux está presente no Tour de France desde 1951 com diversas histórias fantásticas que vão desde Eddy Merckx, passa pelo duelo entre Marco Pantani e Lance Armstrong e chega nos dias atuais com Tadej Pogacar e a expectativa de tempo recorde na subida.

Por falar em recordes, o menor tempo cronometrado da história da subida pelo lado mais duro em 15.9km foi em 1994 com Marco Pantani escalando em 46’00”, foi tão rápido que mesmo Lance Armstrong no auge da geração EPO, completou duelando contra o próprio Pantani em 48’33”. O melhor tempo entre os ciclistas ainda em atividade pertence a Chris Froome no ano de 2013 com 48’35”.

Tour de France etapa 11 - Mont Ventoux | Arte A.S.O.
Tour de France etapa 11 – Mont Ventoux | Arte A.S.O.

A rota do dia teve duas passagens pelo Mont Ventoux, a primeira subindo pelo lado mais longo e menos inclinado e a segunda pelo lado mais difícil. Na primeira escalada a fuga teve nomes como Julian Alaphilippe e Wout van Aert com 5 minutos de vantagem sobre o pelote. Durante a escalada, Wout Van Aert deixou todos para trás e cruzou pela primeira vez na ponta no Ventoux.

Na segunda passagem, apesar de mais cansado, Wout Van Aert conseguiu controlar a vantagem e passou pouco mais de um minuto a frente no Mont Ventoux. Nesse ponto Wout Van Aert já garantia a camisa de rei da montanha com os pontos conquistados no dia, contudo Nairo Quintana conseguiu alguns pontos e “salvou” a camisa de bolinhas.

Atrás vinha a dupla da Trek com Kenny Elissonde e Bauke Mollema com 1:15 de desvantagem. Já no pelote o ataque veio pelo dinamarquês Jonas Vingegaard da Jumbo Visma que atacou e cruzou a meta 40 segundos a frente de Pogacar. Restavam ainda 21km de descida para Malaucène.

Wout Van Aert desceu solo para vitória enquanto atrás a luta era para recuperar tempo na camisa amarela. A dupla da Trek Segafredo com o francês Kenny Elissonde e o holandês Bauke Mollema foram respectivamente segundo e terceiros colocados na etapa. Pela classificação geral a principal mudança foi a saída de Ben O’Connor do pódio que agora tem o colombiano Rigoberto Uran em segundo a 5:18 de Pogacar e o dinamarquês Jonas Vingegaard a 5:32.

 

Classificação da Etapa 11 do Tour de France 2021

Sua opinião é importante, compartilhe!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

Peter Sagan abandona o Tour de France

O eslovaco Peter Sagan não largou para etapa 12 do Tour de France 2021. Dores no joelho e inchaço motivaram o abandono de Sagan que segundo rumores assinou contrato com a equipe Total Energies. Sagan sofria com dores no joelho desde a etapa 3 quando envolveu-se em um acidente com […]
Sagan explica aos jornalistas seu abandono | Captura TV

Receba as novidades em seu e-mail

%d blogueiros gostam disto: