Sergio Henao ganha Paris Nice 2017

Em um dia espetacular, Sergio Henao conquistou a Paris Nice,  Alberto Contador fez uma etapa fantástica mas foi batido no final pelo conterrâneo De La Cruz da Quick Step, Soler da Movistar foi terceiro na etapa. Henao recebeu o bouquet de vencedor das mãos de Eddy Merckx, Contador foi o segundo e Dan Martin da Quick Step completou o pódio.

Uma etapa curta mas dura, apenas 115.5km nos arredores de Nice mas com três montanhas de segunda categoria e duas de primeira categoria, sendo a última a Col d’Èze a 15km do final, final logo a pós a descida e que fez diferença. A primeira montanha, Côte de Levens logo com 15km de prova, logo no começo De La Cruz da Quick Setep e Thomas De Gendt da Lotto tentaram a fuga, Calmejane da Direct Energie, Herrada da Movistar e Jennesson da Fortuneo se juntaram a eles, o ritmo passou a ser alucinante no pelote, Kittel, Tyler Farrar e Michal Kolar abandonaram no começo da subida. Durante a descida, um grupo grande com 24 pilotos acabou formando a fuga, no princípio de subida da segunda montanha do dia, a Côte de Chateauneuf a vantagem para o pelote batia 3’40”.

No pelote, a Trek e a Sky iam na cabeça do pelote enquanto na fuga Calmejane e Domont duelavam para conquistar os pontos da camisa de montanha, com Calmejane conquistando os pontos da meta, na entrada da Col de Calaiso, subida CAT2 a vantagem da fuga era 2’55 e durante a subida começou a despencar, Calmejane novamente conquistou os pontos da meta, assim que chegaram ao final da descida a vantagem da fuga baixada para menos de dois minutos, e partiam para a terceira subida do dia, a Côte de Peille, a primeira subida CAT1 do dia com 6.5km e 6.9% de inclinação e veio o movimento chave da prova, De La Cruz atacou sozinho o que motivou a reação da Trek no pelote, Pantano partiu com Contador na sua roda obrigando Henao e Dan Martin os perseguir.

E veio a pistolada do Contador, um ataque e Dan Martin sobrou, Henao se manteve na roda do espanhol, mais alguns segundos e nova pancada de Contador e dessa vez foi demais para Henao, então Contador passou a escalar ferozmente literalmente capturando cada um que sobrava da fuga, ao chegar no topo Contador estava praticamente junto com os líderes da prova e 40″ a frente de Sergio Henao, faltavam 43km para o final e a cada momento considerando os bônus a prova trocava de mãos.

Após 14km de descida chegava a vez de subir novamente a Col d’Èze, 7.7km com 5.7% de inclinação e mais 15km incluindo a descida para a chegada em Nice, o grupo liderado por Contador mantinha 40s sobre o grupo de Henao, Martin e Alaphilippe. Assim que começou a subida Contador foi para frente do grupo e começou a forçar o ritmo, Henao vinha 47s atrás, a escalada de Contador deixou todos para trás na fuga com apenas o espanhol da Quick Sstep De La Cruz em sua roda, já próximos ao topo da montanha, Soler da Movistar acelera e lidera por 19s, Contador mantinha um minuto de vantagem para Henao o que lhe dava o título, logo depois a meta de sprint e Contador ganha o bônus trazendo a diferença na geral para 29s parecia que seria seu dia!

Conforme desciam a vantagem de Contador foi diminuindo, com 6km par ao final apenas 39s o separava de Henao, De La Cruz seguia comboiando Contador e pegaram Soler, a vitória poderia dar mais 4s de bônus a Contador o que poderia ajudar na geral, atrás Henao era auxiliado por seus companheiros, na frente o ultimo quilômetro e De La Cruz ataca, olha para trás, Contador vem em sua roda, mas De La Cruz vence a prova, Contador chega em segundo conquistando 2s de bônus, atrás Colbrelli puxa o grupo de perseguidores que incluia Henao e fecham com cerca de 20s de desvantagem. Alguns segundos de tensão e vem a classificação geral com Henao conquistando a Paris Nice por 2s sobreo veterano escalador espanhol. Que prova!

Alaphilippe ficou com a Camisa Branca de jovem e com a verde de sprinter, Calmejane ficou com a branca com bolinhas e claro, o colômbiano Sergio Henao Montoya da Sky ficou com a camisa amarela de campeão da Paris Nice 2017.

Resultado da etapa:

1 David De La Cruz (Epa) Quick Step Floors 02:48:51
2 Alberto Contador (Epa) Trek-Segafredo
3 Marc Soler (Epa) Movistar) 00:00:05
4 Sonny Colbrelli (Ita) Bahrain-Merida 00:00:21
5 Julian Alaphilippe (Fra) Quick-Step Floors
6 Michael Matthews (Aus) Trek-Segafredo
7 Diego Ulissi (Ita) Bahrain-Merida
8 Gorka Izagirre Insausti (Epa) Movistar Team
9 Arnaud Jeannesson (Fra) Fortuneo-Vital Concept
10 Lilian Calmejane (Fra) Direct Energie

Classificação final:

1 Sergio Henao Montoya (Col) Team Sky 29:50:29
2 Alberto Contador (Epa) Trek – Segafredo 00:00:02
3 Daniel Martin (Irl) Quick – Step Floors 00:00:30
4 Gorka Izaguirre Insausti (Spa) Movistar Team 00:01:00
5 Julian Alaphilippe (Fra) Quick – Step Floors 00:01:22
6 Ilnur Zakarin (Rus) Team Katusha Alpecin 00:01:34
7 Jon Izaguirre Insausti (Epa) Bahrain – Merida 00:01:41
8 Barguil Warren (Fra) Team Sunweb 00:04:07
9 Simon Yates (GBr) Orica – Scott 00:04:39
10 Richie Porte (Aus) BMC Racing 00:14:26

Deixe uma resposta