Primoz Roglic vence etapa! Contador é o mais combativo do dia!

Primoz Roglic, esloveno de 27 anos da Lotto Jumbo venceu a 18ª Etapa do Tour de France após estar quase o tempo todo na fuga, atrás no grupo do camisa amarela Rigoberto Uran da Cannondale foi o segundo com Froome em terceiro. Alberto Contador que atacou na Col de la Croix de Fer foi o mais combativo do dia. Na classificação geral Rigoberto Uran assumiu a segunda colocação no desempate com Bardet.

Uma etapa memorável! Assim foi a 18ª Etapa do Tour de France 2017, partindo de La mure, escalando três das mais conhecidas subidas da França, logo no princípio de prova um grupo grande com cerca de 30 pilotos imprimiu a fuga, atrás uma queda envolvendo Kittel e Barguil atrasou o camisa verde  que mais tarde desistiu da prova.

O primeiro desafio do dia a Col de la Croix de Fer, um colosso com 24km de extensão e inclinação média de 5.9% porém com platôs planos e trechos de até 11% e foi nesse platô que Alberto Contador atacou levando consigo Nairo Quintana, Contador fechou a distância para a fuga e passou a liderar o grupo fazendo a melhor escalada da montanha desde 2006 com 57’50” numa média de 25km/h quase dez minutos melhor que o tempo de Nibali em 2015 ou sete minutos mais veloz que Levi Leipheimer em 2006, durante a descida veio a notícia do abandono tanto de Pinot como de Kittel em decorrência da queda no princípio de etapa.

A seguir a subida do Col du Télégraphe o aperitivo para o Galibier, Contador teve um problema mecânico, aparentemente a corrente travou entre as coroas e perdeu 30″ na troca de bicicleta, com uma velocidade que há tempos não se via, voltou rapidamente ao grupo líder.

A medida que se aproximaram ao topo do Télégraphe o grupo líder foi ficando reduzido, Mathias Frank da Ag2r, Jesus Herrada da Movistar, Contador e Mollema da Trek, Moinard da BMC, Atapuma da Emirates, Serge Pawels da Dimension Data, Tony Gallopin da Lotto Soudal, Dani Navarro da Cofidis, Primoz Roglic da Lotto Jumbo, Ondrej Cink da Bahrein e Brice Feillu da Fortuneo. No topo Roglic conquistou os pontos de montanha com Mollema em segundo, o grupo passou 3’40″a frente do pelote do camisa amarela, restavam 45km para o final.

Uma pequena descida e começaram o terceiro colosso do dia, o Galibier uma escalada de 11.7km a 7,1% com passagem a 2680m de altitude, o ponto mais alto do Tour de France para então descer para a chegada em Serre Chevalier, durante a subida o grupo líder ficou mais selecionado com Contador, Roglic, Pauwels, Atapuma e Frank. A medida que se aproximaram do topo o ataque veio de Roglic, atrás no grupo de Froome uma sequencia de ataques e quem sobrou foi Aru, no topo do Galibier, Roglic conquistou o KOM, Contador foi alcançado pelo grupo de Froome no topo, com Aru passando 10 segundos após.

Na descida muito trabalho no grupo líder para tentar alcançar Roglic, Contador sobrou e seguiu no grupo de Aru que vinha um pouco atrás. Sem condições de alcançarem deu Roglic! No grupo do camisa amarela 1’15” após chegou junto com Uran em segundo e Froome em terceiro.

Os dez primeiros da etapa foram:

1 ROGLIC PRIMOZ TEAM LOTTO NL – JUMBO 05H 07′ 41” B : 10”
2 URAN RIGOBERTO CANNONDALE DRAPAC PROFESSIONAL CYCLING TEAM 05H 08′ 54” B : 06” + 01′ 13”
3 FROOME CHRISTOPHER TEAM SKY 05H 08′ 54” B : 04” + 01′ 13”
4 BARDET ROMAIN AG2R LA MONDIALE 05H 08′ 54” + 01′ 13”
5 BARGUIL WARREN TEAM SUNWEB 05H 08′ 54” + 01′ 13”
6 LANDA MIKEL TEAM SKY 05H 08′ 57” + 01′ 16”
7 MARTIN DANIEL QUICK – STEP FLOORS 05H 09′ 24” + 01′ 43”
8 CONTADOR ALBERTO TREK – SEGAFREDO 05H 09′ 25” + 01′ 44”
9 MEINTJES LOUIS UAE TEAM EMIRATES 05H 09′ 25” + 01′ 44”
10 ARU FABIO ASTANA PRO TEAM 05H 09′ 25” + 01′ 44”

 

Na classificação geral, Aru perdeu duas posições praticamente dando adeus as chances de título:

1 FROOME CHRISTOPHER TEAM SKY 73H 27′ 26”
2 URAN RIGOBERTO CANNONDALE DRAPAC PROFESSIONAL CYCLING TEAM 73H 27′ 53” + 00′ 27”
3 BARDET ROMAIN AG2R LA MONDIALE 73H 27′ 53” + 00′ 27”
4 ARU FABIO ASTANA PRO TEAM 73H 28′ 19” + 00′ 53”
5 LANDA MIKEL TEAM SKY 73H 28′ 50” + 01′ 24”
6 MARTIN DANIEL QUICK – STEP FLOORS 73H 30′ 03” + 02′ 37”
7 YATES SIMON ORICA – SCOTT 73H 31′ 33” + 04′ 07”
8 MEINTJES LOUIS UAE TEAM EMIRATES 73H 34′ 01” + 06′ 35”
9 CONTADOR ALBERTO TREK – SEGAFREDO 73H 35′ 11” + 07′ 45”
10 BARGUIL WARREN TEAM SUNWEB 73H 36′ 18” + 08′ 52”

Na camisa verde, com a desistência de Marcel Kittel, agora Michael Matthews lidera por 160 pontos de vantagem sobre Greipel, basta chegar em Paris que a camisa verde será do australiano da Sunweb.

1 MATTHEWS MICHAEL TEAM SUNWEB 364 PTS
2 GREIPEL ANDRÉ LOTTO SOUDAL 204 PTS
3 KRISTOFF ALEXANDER TEAM KATUSHA ALPECIN 158 PTS
4 COLBRELLI SONNY BAHRAIN – MERIDA 143 PTS
5 BOASSON HAGEN EDVALD TEAM DIMENSION DATA 140 PTS
6 FROOME CHRISTOPHER TEAM SKY 105 PTS

 

Na disputa pela meta de montanha, Barguil não perde mais a camisa caso complete a prova, Primoz assumiu o segundo lugar:

1 BARGUIL WARREN TEAM SUNWEB 129 PTS
2 ROGLIC PRIMOZ TEAM LOTTO NL – JUMBO 80 PTS
3 DE GENDT THOMAS LOTTO SOUDAL 61 PTS
4 MOLLEMA BAUKE TREK – SEGAFREDO 37 PTS
5 CONTADOR ALBERTO TREK – SEGAFREDO 36 PTS

 

Entre os jovens a camisa branca segue com Yates que perdeu tempo mas sua margem ainda é segura sobre Meintjes:

1 YATES SIMON ORICA – SCOTT 73H 31’33”
2 MEINTJES LOUIS UAE TEAM EMIRATES 73H 34′ 01” + 02′ 28”
3 LATOUR PIERRE-ROGER AG2R LA MONDIALE 73H 54′ 32” + 22′ 59”
4 BUCHMANN EMANUEL BORA – HANSGROHE 74H 05′ 12” + 33′ 39”
5 MARTIN GUILLAUME WANTY – GROUPE GOBERT 74H 11′ 19” + 39′ 46”

Deixe uma resposta