Gorila vence na Paris Nice!

A Paris Nice em sua quinta etapa se despede da região do Rhone, partindo de Bejoulais e percorrendo estradas secundárias até Bourg-de-Péage por 199.5km. Um trajeto com muitas colinas e duas montanhas categorizadas, a côte de Givors de CAT3 e Côte de Saint Uze de CAT2, a expectativa era de sprint, mas dependeria dos ataques em especial dos escaladores em desvantagem na classificação geral como Contador.

Logo no princípio de prova, a fuga com 6 pilotos, entre eles Axel Domont da Ag2R, Natnael Berhane da Dimension Data, Pierre-Luc Perichon da Fortuneo e Remy di Gregorio daDelko-Marseille. Com 45km a fuga tinha 7 minutos de vantagem, o pelote começou a trabalhar ee com 90km a vantagem era 3’30”, após a passagem pela primeira montanha a vantagem se manteve, a briga ficaria para a segunda montanha, após o topo, a vantagem para o pelote diminuiu para casa dos dois minutos, com 34km para o final já estava em 1’20” e as perspectivas de uma chegada em sprint se tornavam uma realidade.

Na frente a fuga trabalhava muito e entraram nos 20km finais com um minuto de vantagem, no pelote uma divisão de 30 segundos com Alaphilippe ficando no segundo grupo, a Quick Step teve que trabalhar para agrupar seu líder. Remy di Gregório da Delko Marseille esteve envolvido em 2011 numa polêmica por doping, ele teria recebido um pacote com kit para injetar substâncias proibidas, a Cofidis de imediato o retirou do Tour e o demitiu, Gregório processou a Cofidis e ganhou uma bela indenização em 2013 e desde então corre pela equipe marselhesa. E com 13km a imagem da fuga era essa:

Todos juntos com uma leve descida para a chegada, a Katusha com Kristoff para o sprint e Zakarin disputando a geral passou a puxar o pelote, talvez para evitar algum enrosco e lá foi Tony Martin babar na frente do pelote. Nesta edição da Paris Nice, já venceram etapa Bennet, Demare e Colbrelli, mas Kittel, Kristoff, Greipel e Coquard ainda buscavam o alto do pódio. No sprint, Kittel nem apareceu na foto…Greipel venceu por uma bicicleta com Demare ficando em segundo no photo finish, e Dylan Groenewegen em terceiro.


Na classificação Alaphilippe chegou no pelote e manteve a liderança sem alterações.

Os dez primeiros da etapa:

1 André Greipel (Ale) Lotto Soudal 4:43:35
2 Arnaud Demare (Fra) FDJ
3 Dylan Groenewegen (Hol) Team LottoNl-Jumbo
4 Michael Matthews (Aus) Team Sunweb
5 John Degenkolb (Ale) Trek-Segafredo
6 Magnus Cort Nielsen (Din) Orica-Scott
7 Marcel Kittel (Ale) Quick-Step Floors
8 Bryan Coquard (Fra) Direct Energie
9 Sonny Colbrelli (Ita) Bahrain-Merida
10 Sam Bennett (Irl) Bora-Hansgrohe

 

Classificação geral:

1 Julian Alaphilippe (Fra) Quick-Step Floors 17:20:02
2 Tony Gallopin (Fra) Lotto Soudal 0:00:33
3 Gorka Izagirre (Esp) Movistar Team 0:00:47
4 Sergio Henao (Col) Team Sky 0:01:05
5 Daniel Martin (Irl) Quick-Step Floors 0:01:20
6 Philippe Gilbert (Bel) Quick-Step Floors 0:01:24
7 Ilnur Zakarin (Rus) Katusha-Alpecin 0:01:28
8 Arnaud Demare (Fra) FDJ 0:01:29
9 Alberto Contador (Esp) Trek-Segafredo 0:01:31
10 Rudy Molard (Fra) FDJ 0:01:32

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *