Dylan Teuns vence no Dauphiné e assume a camisa amarela!

O belga Dylan Teuns da Bahrain Merida venceu a etapa 2 do Critèrium du Dauphinè em Craponne-sur-Arzon. Após atacar a 35km do final, Teuns e Guillaume Martin da Wanty escaparam do grupo da fuga para decidirem no sprint a vitória na etapa. Em terceiro ficou Jakob Fuglsang que venceu o sprint selecionado. Com o resultado Teuns é o camisa amarela da competição. Lutsenko que venceu um sprint intermediário detém a camisa verde de líder por pontos. Casper Pedersen da Trek é o rei da montanha enquanto Wout Van Aert da Jumbo Visma é o melhor jovem até 25 anos.

“Essa é especial para mim, eu tive que esperar longos 24 meses para conseguir vencer novamente. E também foi uma vitória muito legal. Eu estou super feliz! No começo alguns nomes de peso saíram na fuga, a Ineos colocou um passo muito forte para conseguir controlar a fuga e neutralizar. Eu notei que eles ficaram um pouco cansados. Então os caras foram e eu simplesmente os segui em uma nova fuga. Eu achava que a última subida seria onde fazer a diferença. Guillaume Martin foi um bom companheiro de fuga. Nos estávamos forte na subida mais inclinada e no final foi um sprint homem a homem e estou super feliz de poder finalizar. É um sonho que se torna realidade ter a camisa amarela no Dauphiné e vencer meu primeiro leão.” Dylan Teuns

Criterium du Dauphiné 2019 – Mauriac a Craponne Sur Arzon 180km

Oito subidas categorizadas fizeram o verdadeiro quebra pernas no pelote do Dauphiné hoje entre Mauriac e Craponne Sur Arzon, região do Alto Loire. Em uma etapa atípica, a fuga inicial do dia contou com nomes como Michael Kwiatkowski, Julian Alaphilippe e Tom Dumoulin. A fuga começou a perder o fôlego a 45km do final, Dumoulin, Gaudu e Izaguirre foram neutralizados a 35km do fim. Ai novo grupo se destacou com:

  • Alexey Lutsenko (Astana),
  • Darwin Atapuma (Cofidis),
  • Dylan Teuns (Bahrain-Merida),
  • Rudy Molard (Groupama-FDJ),
  • Mickael Cherel (AG2R La Mondiale),
  • Pawel Bernas e Serge Pauwels (CCC)
  • Petr Vakoc (Deceuninck-QuickStep),
  • Robert Power (Sunweb),
  • Guillaume Martin (Wanty-Groupe Gobert),

Logo em seguida Philippe Gilbert e Nils Pollit conseguiram fazer a ponte e juntar-se ao grupo. Na descida de La Cheise-Dieu o checo Vakoc colocou muita força esticando o pelote, depois foi a vez de Gilbert. Esse trabalho da Deceuninck colocou a fuga quase um minuto a frente do pelote. Atrás Kwiakowski era a locomotiva do pelote cada vez mais reduzido. Restando 19km pro fim o francês Guillaume Martin atacou e apenas Dylan Teuns conseguiu segui-lo.  Enquanto a dupla trabalhava para ampliar sua vantagem, a pancadaria comeu solto no pelote fragmentado. Pinot atacou e motivou Chris Froome a liderar uma perseguição com Flugsang e Quintana. E assim a dupla líder entrou nos 10km finais com 20 segundos de vantagem sobre o grupo de Froome enquanto o grupo de Porte, Bardet e Dan Martin estava mais 12 segundos atrasado. Pinot novamente atacou a 5km do fim, depois foi a vez de Lutsenko e novamente Froome fez o trabalho de neutraliza-los, com um passivo Quintana na roda. No final, Dylan Teuns no sprint contra Guillaume Martin venceu e assumiu a camisa amarela.

Dylan Teuns o camisa amarela – Divulgação

Classificação da Etapa 02 – Criterium du Dauphiné 2019

1 Dylan Teuns (Bélgica) Bahrain-Merida 4:12:41
2 Guillaume Martin (França) Wanty-Gobert
3 Jakob Fuglsang (Dinamarca) Astana Pro Team 0:00:13
4 Thibaut Pinot (França) Groupama-FDJ
5 Michael Woods (Canada) EF Education First
6 Alexey Lutsenko (Cazaquistão) Astana Pro Team
7 Petr Vakoc (Rep. Checa) Deceuninck-QuickStep
8 Nairo Quintana (Colômbia) Movistar Team
9 Wout Poels (Holanda) Team Ineos
10 Adam Yates (Reino Unido) Mitchelton-Scott

Classificação Geral -Criterium du Dauphiné 2019

1 Dylan Teuns (Bélgica) Bahrain-Merida 7:37:03
2 Guillaume Martin (França) Wanty-Gobert 0:00:03
3 Jakob Fuglsang (Dinamerca) Astana Pro Team 0:00:20
4 Alexey Lutsenko (Cazaquistão) Astana Pro Team 0:00:21
5 Nairo Quintana (Colômbia) Movistar Team 0:00:24
6 Michael Woods (Canada) EF Education First
7 Wout Poels (Holanda) Team Ineos
8 Chris Froome (Reino Unido) Team Ineos
9 Thibaut Pinot (França) Groupama-FDJ
10 Adam Yates (Reino Unido) Mitchelton-Scott

 

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.