Bob Jungels vence com Quintana em segundo!

O luxemburguês Bob Jungels atual maglia bianca no Giro venceu após atacar na descida do Selvino e vencer no seleto grupo do maglia rosa Quintana e Pinot no sprint, Tom Dumoulin chegou no grupeto vencedor mas não sprintou.

Na classificação geral o Giro entra na terceira semana com Dumoulin liderando por 2’41” Quintana, uma situação muito delicada pois embora no domingo aconteça o contra relógio no autódromo de Monza, é de se esperar que Dumoulin seja o Top10 a sofrer mais em alta montanha. Kruijswijk volta ao Top10 por conta do abandono de Kangert da Astana com cotovelo quebrado após acertar uma placa em uma ilha já nos arredores de Bergamo. A ultima vez que uma vantagem acima de 2’40” foir revertida aconteceu em 1951 quando Fiorenzo Magni reverteu uma desvantagem de três minutos numa descida suicida em etapa vencida por Fausto Coppi.

Confira o momento em que Kangert da Astana bate na placa, quebra o cotovelo esquerdo e abandona a prova.

Após uma etapa épica ontem, o Giro 2017 chegou a 15ª etapa partindo de Valdemo para Bergamo na Lombardia que já sediou o Giro por oito vezes desde 1912. Pela rota de 199km duas montanhas categorizadas, o Miragolo San Salvatore e o Selvino (que não, não tem nada haver com o Passo do Stelvio 200km ao norte) de segunda e terceira categoria respectivamente. Após varias fugas neutralizadas a fuga do dia teve Pierre Rolland, Samuel Sanchez mas sobreviveu pouco ao ponto que o pelote estava muito veloz tendo terminado a prova bem acima da média máxima esperada pela organização. Durante a descida da primeira montanha, Quintana caiu teve que trocar a bicicleta e Dumoulin respondeu freando e como patron do pelote segurando o ritmo para evitar danos ao adversário, logo após veio a subida do Selvino e os líderes comeram a fuga, no princípio de descida via-se a Orica na ponta com a Sunweb na roda, Nibali um dos melhores em descida partiu para frente motivando Dumoulin, Pinot e Quintana a fazerem o mesmo e seguiram assim até o final, no sprint a Orica meio que sem querer posicionou Bob Jungels da Quick Step que venceu a etapa com um surpreendente Quintana fazendo segundo e descontando seis segundos para Dumoulin, Pinot também recebeu quatro segundos de bônus.

 

Os dez primeiros da etapa foram:

1 Bob Jungels (Lux) Quick-Step Floors 4:16:51
2 Nairo Quintana (Col) Movistar Team
3 Thibaut Pinot (Fra) FDJ
4 Adam Yates (GBr) Orica-Scott
5 Domenico Pozzovivo (Ita) AG2R La Mondiale
6 Patrick Konrad (Aut) Bora-Hansgrohe
7 Vincenzo Nibali (Ita) Bahrain-Merida
8 Tom Dumoulin (Ned) Team Sunweb
9 Ilnur Zakarin (Rus) Katusha-Alpecin
10 Bauke Mollema (Ned) Trek-Segafredo

A classificação geral ficou:

1 Tom Dumoulin (Ned) Team Sunweb 63:48:08
2 Nairo Quintana (Col) Movistar Team 0:02:41
3 Thibaut Pinot (Fra) FDJ 0:03:21
4 Vincenzo Nibali (Ita) Bahrain-Merida 0:03:40
5 Ilnur Zakarin (Rus) Katusha-Alpecin 0:04:24
6 Bauke Mollema (Ned) Trek-Segafredo 0:04:32
7 Domenico Pozzovivo (Ita) AG2R La Mondiale 0:04:59
8 Bob Jungels (Lux) Quick-Step Floors 0:05:18
9 Andrey Amador (CRc) Movistar Team 0:06:01
10 Steven Kruijswijk (Ned) Team LottoNl-Jumbo 0:07:03

Deixe uma resposta